Páginas

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Para Jane: com todo o amor que tive, que não foi suficiente (For Jane: with all the love I had, which was not enough)

Para Jane: com todo o amor que tive, que não foi suficiente - Charles Bukowski - A Tradução Livre

eu pego a saia,
eu pego as pérolas brilhantes
em negro,
essa coisa que se moveu uma vez
pela carne,
e eu chamo Deus de mentiroso,
e digo que qualquer coisa que se movia
daquele jeito
ou sabia
meu nome
nunca poderia morrer
na comum verdade de morrer,
e eu pego
seu solitário
vestido,
e todo seu encanto se vai,
e eu falo com todos os deuses,
judeus, cristãos,
lascas de coisas piscantes,
ídolos, pílulas, pães,
braças, riscos,
entrega conhecedora,
ratos na cova de dois quase loucos
sem uma chance,
conhecimento de beija-flor, chance de
beija-flor,
me inclino sobre isso,
me inclino sobre tudo isso
e eu sinto
seu vestido sobre meu braço
mas
eles não vão
entregá-la de volta pra mim.

Parte anterior: "Para Jane"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

atraducaolivre.blogspot.com.br no linkto